Comments

  • Um comentarista do WordPress commented on
    Olá, mundo!

Fome do que?

Fome do que?

Os Brasileiros foram os que mais engordaram na pandemia, 52% dos brasileiros engordaram 6,5Kg na média. Mas a que se deve tudo isso? Será somente o sedentarismo ou também fome emocional?

Vocês já perceberam que temos vários tipos de fome? Aquela fome que faz roncar a barriga, a fome de sentir o cheiro da comida, fome visual aquela que só de ver um prato bonito abre o apetite, mas infelizmente cada vez mais comum a fome emocional.

A fome emocional é a fome de carência, fome de tristeza, fome de tédio, fome de sentimentos ruins e vazios. E o que temos de mais rápido e prático é buscar na comida o conforto, a comida libera neurotransmissores do prazer como a dopamina, serotonina e endorfina, mas é uma falsa sensação de que os alimento te confortará!

Por isso é importante a atenção plena no alimento e no ato de se alimentar. Mindful eating é o nome chique, tenha gratidão pelo que está comendo e pense e reflita: é esse alimento que o meu corpo precisa ou então é o que meus sentimentos necessitam?

Pratique esportes os mesmos neurotransmissores de quando se come são liberados na atividade física, e temos mais um super hormônio a irisina! Gerando a sensação de prazer e conforto, e déficit calórico de recompensa, por um tempo mais prolongado que somente a comida!

Pense antes de comer! Reflita! Controle o impulso do comer! Não vamos fazer parte desta estatística do ganho de peso na quarentena!

Afinal,
NÃO EXISTE CORPO B!

Foto do post: Polina Tankilevitch no Pexels

Compartilhe ou imprima:
Dra. Delane Wajman

Endocrinologista e Clínica Médica pela Santa Casa de São Paulo | CRM 170692 |